Compartilhe
Ir em baixo
Mensagens : 4
Data de inscrição : 12/10/2017
Idade : 14
Ver perfil do usuário

Pesquisa sobre riscos das Redes Sociais

em Sab Out 28, 2017 10:55 pm
Perigos das redes sociais


As redes sociais são meios de comunicação que interligam pessoas de forma virtual, independentemente da distância, com rapidez e um custo irrisório. Hoje em dia quem não está nas redes sociais é como se não existisse. E há quem não esteja apenas presente, como quem possua conta em vários serviços.

Segundo um estudo publicado este verão as dez redes sociais com mais utilizadores no mundo são: o Facebook, com cerca de 1.968 milhões de utilizadores ativos mensais, em segundo lugar, encontra-se o WhatsApp, seguido, em ordem decrescente de utilizadores, pelas redes Youtube, Facebook Messenger, WeChat, Instagram, Tumblr, Twitter, Snapchat e Skype, respetivamente. O Facebook é a rede social com mais utilizadores em Portugal, seguido do WhatsApp e do Instagram.

Com a mesma facilidade com que as redes sociais são utilizadas de forma benéfica, para divulgação de cultura, lazer e importantes informações, também são utilizadas de forma prejudicial para difamação, boatos e intrigas que destroem relacionamentos e causam constrangimento às vítimas, planeamento de atentados, maus tratos contra os animais e violações dos Direitos Humanos como aliciamento, incentivo ao racismo, homofobia e intolerância religiosa

Quando uma pessoa compartilha, nas redes sociais, informações pessoais e da sua vida privada, tais como fotos e vídeos, endereço, telefone, horário e locais que frequentam, está a expor-se virtualmente de uma forma exagerada e perigosa.

Precisamos compreender que o mundo virtual faz parte do mundo real e se cuidamos da nossa segurança com muros e portas fechadas em nossas casas, devemos também ter cuidado em preservar a nossa privacidade. O usuário das redes sociais deve sentir-se confortável com o que publica na internet e ao criar seu perfil, deve ser cauteloso, pois nunca se sabe quem vai aceder a essas informações e quais são suas reais intenções.

As crianças e adolescentes estão particularmente vulneráveis aos perigos das redes sociais. Apesar de estas constituírem uma ferramenta interessante para fazer amigos, existem quatro grandes perigos:
 Ser vítima de um predador sexual;
 Assédio por parte de outras crianças;
 Roubo de identidade;
 Passar demasiado tempo nas redes.

Alguns cuidados a ter nas redes socias:

 Não expor detalhes da nossa vida. A nossa intimidade é preciosa e não deve ser acessível para qualquer um;
 Devemos não esquecer que quando divulgamos informações pessoais na internet, elas tornam-se públicas;
 Após publicar algo na internet, é impossível voltar a escondê-lo;
 Os “cadeados” e bloqueios de acesso podem ser “quebrados” por pessoas mal--intencionadas;
 Os nossos dados podem ser roubados e manipulados para ofender e mesmo chantagear.

Conselhos para nos manter seguros:

 Manter o mínimo de informações em seu perfil;
 Se divulgarmos fotos, usar as que não facilitem o nosso reconhecimento, nem endereço ou nome da escola;
 O que importa é a qualidade e não a quantidade de amigos. Cuidado com estranhos;
 Jamais aceitar convite de encontro presencial com quem não conhecemos;
 Trocar a senha periodicamente;
 Se sentirmos alguma ameaça, deve-se configurar a conta para bloquear os contatos indesejados;
 Se visualizarmos conteúdos suspeitos de violarem os Direitos Humanos, devemos denunciar às autoridades;
 Se usar um sistema operativo Windows, deve usar um antivírus, que consiga detetar ameaças na Web e que funcione igualmente como “firewall” e “anti-spyware”.
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum